Flor do Lácio
BEM VINDO


Cadastre-se em nosso fórum e tenha sua redação corrigida pelos membros.
Flor do Lácio

Espaço criado com intuito de ajudar aos membros produzirem redações de excelência.


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

FUMAR É PREJUDICIAL Á SAÚDE?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 FUMAR É PREJUDICIAL Á SAÚDE? em Qui Dez 29, 2011 11:15 am

O consumo de cigarro é visto por muitos, principalmente pela maioria dos fumantes, como algo natural e a consequência de seus efeitos negativos sobre o organismo é desprezado. Em relação à saúde, o cigarro é prejudicial e pode acarretar em problemas irreversíveis, se nenhuma medida for tomada por parte dos usuários.
O fumo provoca infarto, enfisema pulmonar, derrame cerebral, osteoporose, e sobretudo cânceres (pulmão, laringe, esôfago, estômago, pâncreas, colo do útero, bexiga). E também impotência, menopausa precoce, rugas, aborto espontâneo, prematuridade e morte perinatal, isto é o mínimo que se pode esperar de um produto que contém 4.730 produtos tóxicos, como a nicotina, o alcatrão, agrotóxicos, substâncias radioativas, metais pesados e monóxido de carbono.
O cigarro é o único produto legal que causa a morte da metade de seus usuários regulares. Isto significa que de 1,3 bilhão de fumantes no mundo, 650 milhões vão morrer prematuramente por causa do cigarro, segundo OMS (organização mundial da saúde), ou seja, teoricamente para cada duas pessoas fumantes uma delas morrerá por consequência do cigarro. Outra estimativa assustadora é a de que o consumo de tabaco porá fim prematuramente à vida de dez milhões de pessoas até 2020, caso a tendência atual continue.
Portanto, o cigarro faz mal e muito á saúde de seus usuários e o desprezo deste fato não adiará as suas consequências. O desejo do fumante de por fim ao consumo do tabaco, é o primeiro passo para a reconstituição paulatina de sua saúde.

Ver perfil do usuário

2 Re: FUMAR É PREJUDICIAL Á SAÚDE? em Sex Dez 30, 2011 5:21 am

Mourette

avatar
Membros
O consumo de cigarro é visto por muitos, principalmente pela maioria dos fumantes, como algo natural.[Observe que o que virá em seguir entra em desacordo com o que foi dito anteriormente. Necessitaria , portanto, de um conectivo adversativo , como o ''no entanto'' ] e a consequência de seus efeitos negativos sobre o organismo é desprezado. Em relação à saúde, o cigarro é prejudicial e pode acarretar em problemas irreversíveis, se nenhuma medida for tomada por parte dos usuários.

Observe a minha sugestão para o seu parágrafo


O consumo de cigarro é visto por muitos, sobretudo pela maioria dos usuários, como um hábito natural. No entanto , desprezam-se os efeitos negativos sobre o organismo, como câncer de pulmão e enfisema pulmonar. Tais males podem ser irreversíveis caso o usuário não se conscientizar , e , consequentemente , abandonar o vício.



O fumo provoca infarto, enfisema pulmonar, derrame cerebral, osteoporose, e sobretudo cânceres (pulmão, laringe, esôfago, estômago, pâncreas, colo do útero, bexiga). E também impotência, menopausa precoce, rugas, aborto espontâneo, prematuridade e morte perinatal, isto é o mínimo que se pode esperar de um produto que contém 4.730 produtos tóxicos, como a nicotina, o alcatrão, agrotóxicos, substâncias radioativas, metais pesados e monóxido de carbono

Acho que nesse parágrafo você estendeu demais nos exemplos, além de ter esquecido de contextualizar a indústria brasileira de cigarro.

Aí vai um exemplo para este parágrafo:

Há alguns anos , a indústria do cigarro contabilizava enormes lucros ,advindos da publicidade de seus produtos. Os consumidores, seduzidos por imagens de '' cowboys'' e belas damas na embalagem do produto, sentiam-se impulsionados a fumar. Hoje, porém, essas empresas estão proibidas de anunciar seus produtos na mídia, além de serem obrigadas a ostentar imagens de pessoas em estado terminal , cujas vidas foram ceifadas pelo vício.


Nisso , a gente poderia entrar em outro parágrafo contendo tudo o que você disse


Mesmo assim, a maioria dos usuários ignora os malefícios do cigarro, como nfarto, enfisema pulmonar, derrame cerebral, osteoporose, e sobretudo cânceres (pulmão, laringe, esôfago, estômago, pâncreas, colo do útero, bexiga). E também impotência, menopausa precoce, rugas, aborto espontâneo, prematuridade e morte perinatal .Isto é o mínimo que se pode esperar de um produto que contém 4.730 produtos tóxicos, como a nicotina, o alcatrão, agrotóxicos, substâncias radioativas, metais pesados e monóxido de carbono.

O cigarro é o único produto legal que causa a morte da metade de seus usuários regulares.´segundo OMS (organização mundial da saúde) Isto significa que, de 1,3 bilhão de fumantes no mundo, 650 milhões vão morrer prematuramente por causa do cigarro, ou seja, teoricamente para cada duas pessoas fumantes uma delas morrerá por consequência do cigarro[evite repetir o que já disse anteriormente ]. Outra estimativa assustadora é a de que o consumo de tabaco porá dará fim prematuramente à vida de dez milhões de pessoas até 2020, caso a tendência atual continue.


Portanto, o cigarro faz mal e muito á saúde de seus usuários e o desprezo deste fato não adiará as suas consequências. O desejo do fumante de por fim ao consumo do tabaco [sem vírgula ] é o primeiro passo para a reconstituição paulatina de sua saúde


Assim como os demais parágrafos , a conclusão tem sua devida importância. Faltou buscar soluções concretas para o problema. Veja esse vídeo : http://www.youtube.com/watch?v=ivbFTzh5Bxw

um abraçoo

Ver perfil do usuário

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum